Cientistas alemães dizem que espinafre prejudica atletas em competições e recomendam que o vegetal seja considerado doping

E aí você assistia ao desenho do Popeye quando criança e dizia que, quando crescesse, seria tão forte quanto o marinheiro. Para alcançar tal condição tratou de incluir espinafre nos seus alimentos preferidos.
Cientistas alemães dizem que espinafre prejudica atletas em competições e recomendam que o vegetal seja considerado doping

03

JUL


Muito bem, o tempo passou, você cresceu e, hoje, acha muito engraçado que crianças pudessem acreditar que uma lata de espinafre conferisse tanta força extra assim.

É, mas nós temos uma notícia para te dar: o vegetal tem este poder MESMO, viu? Não se tratava de “conversa furada” do desenho que a sua mãe usava para te fazer comer vegetais.

Segue o texto que a gente vai te explicar isso melhor...

É que, após estudo apurado, cientistas da Universidade Livre de Berlim, na Alemanha, concluíram que a tal receita de força do Popeye não só era pura verdade como também pode – atualmente – prejudicar atletas em competições.

O quê?? Como assim?

É que os pesquisadores descobriram que a ecdisterona (substância química presente no espinafre) precisa ser – o quanto antes – adicionada à lista de doping.

Afe! Doping???

Isso mesmo que você leu!

O Instituto de Farmácia da Universidade estruturou um programa de treinamento de força que durou 10 semanas e contou com 46 atletas. O objetivo era testar de que forma a substância afeta o desempenho físico.

Para que os pesquisadores pudessem obter o resultado mais fidedigno, alguns dos participantes receberam placebos e, outros, cápsulas de ecdisterona (contendo o equivalente a até 4 quilos de espinafre cru por dia).

Resultado?

Os atletas que receberam o suplemento viram sua força física aumentar três vezes mais que a dos colegas que tomaram o placebo.

Ufss!!

O estudo é o primeiro na Alemanha a provar a ligação entre a ecdisterona do espinafre e a melhora significativa do desempenho físico.

Fala sério! Você já quase conseguiu ouvir aí o barulhinho característico que fazia o cachimbo do Popeye, não foi? Pode confessar...

E o Brutus nessa, hein?


[Fonte: G1 // Bem Estar]